Archive for Outubro, 2007

Samuel Moreno é o novo presidente de Bogotá

Outubro 29, 2007

samuel-moreno_presidente_bogota.jpg

Samuel Moreno, candidato do partido de esquerda Pólo Democrático, foi eleito, este domingo, presidente da câmara de Bogotá, capital da Colômbia.

Moreno conquistou 43 por cento dos votos, enquanto o seu adversário, Enrique Penalosa, que contou com o apoio do presidente colombiano, Álvaro Uribe, durante a campanha, ficou-se pelos 28 por cento.

O novo presidente de Bogotá é o filho mais novo do ditador Gustavo Rojas Pinilla, militar que governou a Colômbia nos anos 50.

Nas primeiras declarações públicas, Moreno afirmou que será “o presidente de todos os habitantes da capital colombiana” e revelou que espera “construir uma Bogotá positiva onde todos possam viver melhor”.

Eram cerca de 27 milhões os colombianos que estavam recenseados para votar nas eleições dos prefeitos e vereadores de 1100 municípios e dos governadores de 32 departamentos.

A segurança ficou a cargo de cerca de 160 mil polícias, ao mesmo tempo que observadores da Organização dos Estados Americanos e da Missão de Observação Eleitoral acompanharam de perto estas eleições.

As autoridades garantem que o acto eleitoral decorreu com total normalidade, não se tendo registado qualquer incidente.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Rádio Santa Fe

Anúncios

Cristina Kirchner eleita presidente da Argentina

Outubro 29, 2007

cristina_kirchner_presidente_argentina.jpgCristina Kirchner, a mulher do presidente cessante da Argentina e candidata favorita à vitória nas presidenciais deste domingo, foi eleita presidente do país sul-americano à primeira volta, segundo as sondagens à boca das urnas divulgadas pelas televisões argentinas.

As sondagens revelam que Kirchner, de 54 anos, conseguiu obter 46 por cento dos votos, enquanto que a sua principal adversária, a deputada liberal Elisa Carrio, alcançou apenas 24 por cento.

A lei eleitoral argentina estabelece que um candidato só é eleito presidente quando atinge na primeira volta 45 por cento dos votos ou 40 por cento desde que tenha mais 10 pontos de vantagem sobre o segundo candidato mais votado.

Curiosamente Cristina Kirchner sucederá, a 10 de Dezembro, ao seu marido, Nestor Kirchner, na presidência da Argentina.

Kirchner é assim a primeira mulher presidente eleita na Argentina, não sendo, no entanto, a primeira chefe de Estado do país, uma vez que Isabel Peron, terceira mulher do presidente Juan Peron, assumiu a presidência em 1974, após o falecimento do marido.

Para além do Presidente e do vice-presidente, os cerca de 27 milhões de argentinos recenseados elegeram ainda os governadores de oito das 23 províncias e as autoridades municipais, tendo sido ainda renovada metade da Câmara de Deputados e um terço do Senado.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Barrios de Pie

Eleições parlamentares russas com 11 partidos

Outubro 28, 2007

putin_kremlin.jpgA Comissão Eleitoral Central da Rússia autorizou, este domingo, 11 partidos políticos a concorrerem nas eleições parlamentares do próximo dia 2 de Dezembro, nas quais serão eleitos 450 deputados da Duma Estatal (câmara baixa) do Parlamento russo.

De fora ficam três forças políticas por não terem apresentado o número mínimo exigido de assinaturas válidas de apoio às suas listas, nomeadamente o Partido dos Verdes, o Partido União Popular e o Partido Paz e Unidade da Rússia.

Entre os 11 participantes eleitorais, há três que foram criados pelo Kremlin com o objectivo de conquistar diversos eleitorados, mais concretamente o Partido Força Cívica, de centro-direita, o Partido Rússia Unida, do centro, e o Partido Rússia Justa, de centro-esquerda.

A oposição de esquerda ao Presidente Putin será composta pelo Partido Comunista da Federação da Rússia, Partido Agrário da Rússia, Partido Patriotas da Rússia e Partido da Justiça Social.

Na direita liberal, em oposição à política do Kremlin, estarão o Partido Iabloko e a União das Forças de Direita.

O populismo e o nacionalismo estarão representados nestas eleições pelo Partido Nacional Democrático da Rússia.

A última sondagem realizada pelo Levada Tzentr revela que apenas dois grupos políticos deverão ultrapassar a barreira dos 7 por cento, necessária para eleger deputados: o Partido Rússia Unida, que tem como cabeça de lista o Presidente Vladimir Putin, podendo conseguir cerca de 67 por cento dos votos, e o Partido Comunista da Federação da Rússia, que poderá chegar aos 17 por cento.

Relativamente às restantes forças políticas, o Partido Nacional Democrático da Rússia é o que está mais próximo de atingir o número suficiente de votos para eleger deputados, com 6 por cento das intenções do eleitorado.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Galiza CIG

 

Gorbachev funda e lidera movimento social-democrata

Outubro 21, 2007

gorbachev.jpgMikhail Gorbachev, o último líder da União Soviética (URSS), foi eleito, no sábado, para o cargo de responsável máximo da União dos Social-Democratas, por si fundada, com o objectivo assumido de defender os princípios da democracia na Rússia.

Gorbachev, de 76 anos, afirmou diante de cerca de duas centenas de delegados do congresso constituinte do novo movimento o seu empenhamento em “libertar o país das forças extremistas” e promover os valores do liberalismo, deixando ainda claro que a nação russa “não deve renunciar à Europa. A Rússia é parte da civilização europeia”.

Este é o segundo partido político liderado por Gorbachev nos últimos três anos e, segundo os analistas, será improvável que seduza os liberais russos, que se encontram muito divididos.

É de salientar que Gorbachev é mal visto pelos russos, que o culpam pela degradação económica e social consequente da implosão da URSS, apesar de no estrangeiro ser admirado principalmente por ter acabado com a Guerra-Fria.

Em 2001, Gorbachev criou o Partido Social-Democrata da Rússia mas, três anos volvidos, apresentou a demissão da liderança, acabando esta força política por se dissolver.

O «pai da perestroika» tem demonstrado publicamente muita preocupação pelo estado da democracia na Rússia, sem tecer quaisquer críticas contra o actual presidente russo, Vladimir Putin, chegando mesmo a afirmar que “deposita esperanças na gestão do presidente Putin”.

A nova formação política de Gorbachev não poderá, no entanto, participar nas eleições legislativas de Dezembro, uma vez que a data limite para a inscrição de partidos já foi ultrapassada. O antigo dirigente comunista garantiu ainda que não se irá candidatar às presidenciais de 2008.

Texto: Sérgio Mendonça

Fontes: Lusa / France Presse

Foto: Britannica Online Encyclopedia

Resgatados 15 corpos de imigrantes ilegais mortos em naufrágio

Outubro 21, 2007

barco_imigrantes_ilegais.jpgAs autoridades do México resgataram 15 cadáveres de imigrantes da América Central que viajavam num barco que se virou no oceano Pacífico, conforme anunciou no sábado a marinha mexicana.

Noemi Martinez, uma mulher salvadorenha, sobreviveu ao naufrágio e afirmou que o barco havia partido da Guatemala, tendo-se virado na passada quinta-feira, com mais de vinte pessoas a bordo.

Outro sobrevivente, de 23 anos e também salvadorenho, já foi identificado pelas autoridades, que decidiram suspender as buscas no sábado devido às fortes chuvas que se faziam sentir.

As buscas contaram com o auxílio de um helicóptero militar e incidiram principalmente nas zonas das praias junto às cidades de San Francisco Ixhuatan e San Francisco del Mar, a cerca de 320 quilómetros da fronteira com a Guatemala.

O delegado da protecção civil de Oaxaca revelou que “há informações sobre mais vítimas, mas o tempo não permite sair para o mar”.

O naufrágio mostra uma tendência cada vez maior para a utilização de barcos no transporte de imigrantes ilegais provenientes da América Central e tendo como destino os Estados Unidos da América, sem passar, obviamente, pelos controlos nas auto-estradas mexicanas.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: USA Today

Acidente em Espanha fere portugueses

Outubro 20, 2007

autopista-palencia.jpeg

Quatro trabalhadores portugueses da construção civil ficaram feridos na consequência de um grave acidente de viação ocorrido perto de Villasarracino, na região de Palência, Espanha.

Ao todo, viajavam nove portugueses, sendo que quatro ficaram internados em estado grave no hospital de Palência e os restantes cinco obtiveram já alta.

Neste momento, as famílias já foram informadas do acidente e o consulado português em Salamanca já está a acompanhar a situação dos nove portugueses que trabalham numa empresa da construção civil na cidade de Bilbao.

Texto: Fábio Canceiro

Fonte: Lusa

China anula novo encontro bilateral com a Alemanha

Outubro 14, 2007

angela_merkel__dalai_lama.jpg

A China anulou um encontro bilateral com a Alemanha, como já havia feito por duas ocasiões desde que o Dalai Lama foi recebido pela chanceler alemã, Angela Merkel, a 23 de Setembro, anunciou sexta-feira uma porta-voz do ministério dos negócios estrangeiros alemão.

A porta-voz não explicou os motivos que terão levado a esta anulação do encontro bilateral sobre direitos humanos que estava previsto para Dezembro, na capital chinesa. No entanto, a revista Der Spiegel adianta que o governo de Pequim terá anulado expressamente esta reunião anual sobre direitos humanos em consequência do encontro de Angela Merkel com o Dalai Lama.

A Alemanha tinha como um dos principais objectivos da reunião incitar a China a respeitar os direitos humanos e as liberdades fundamentais. Já no passado houve conversações entre importantes diplomatas de ambas as nações, tendo sido abordados casos concretos de detenções e de maus tratos ocorridos na China.

A recepção de Merkel ao líder espiritual tibetano desencadeou uma crise diplomática entre a Alemanha e a China, o seu principal parceiro comercial asiático, tendo os chineses desde logo anulado a sua participação, invocando “razões técnicas”, num simpósio no qual iria participar a ministra da Justiça alemã, Brigitte Zypries, em Munique.

Posteriormente, o chefe da diplomacia chinesa, Jiang Yu, desprogramou um encontro com o seu homólogo alemão, Frank-Walter Steinmeier, à margem da Assembleia Geral da ONU, em Nova Iorque, mas a reunião acabou mesmo por se realizar, mais tarde.

A Der Spiegel apresenta ainda declarações de diplomatas chineses, os quais referem que o seu país, que ocupou o Tibete em 1959, “ficou particularmente indignado por Merkel não ter anunciado o encontro [com o Dalai Lama] durante a sua viagem à China, em Agosto”.

Segundo a revista alemã, fontes chinesas garantiram que as consequências do referido encontro serão para durar.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Tages Anzeiger / Keystone

Vacina contra a febre amarela faz três mortos

Outubro 14, 2007

vacina.jpgUm idoso morreu na passada sexta-feira no Peru, aumentando para três o número de mortes no país após a toma de uma vacina contra a febre amarela, apesar das autoridades sanitárias ainda não terem conseguido determinar as causas.

A vítima tinha 83 anos e faleceu no Hospital Regional de Ica, localizado a 325 quilómetros a Sul de Lima, conforme informações da Rádio Programas do Peru.

O director regional de Saúde de Ica, Brian Donayre, declarou, no entanto, que não é ainda possível determinar se o idoso terá realmente morrido devido à vacina.

Porém, já na quinta-feira, uma mulher que havia sido vacinada contra a febre amarela, em Setembro, faleceu, enquanto que, na semana anterior, um homem que recebeu a mesma vacina no Hospital de Ica acabou igualmente por morrer, factos que reforçam a suspeita dos efeitos nocivos que este tratamento poderá ter.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Jornal Digital

Carta de intelectuais muçulmanos considerada “positiva” pelo Vaticano

Outubro 14, 2007

 

vaticano.jpg

O Vaticano comunicou esta semana que considera “positiva” e “encorajadora” uma carta assinada por mais de 130 intelectuais muçulmanos dirigida aos líderes do mundo cristão, entre os quais o Papa, que apela ao diálogo entre as duas religiões.

Monsenhor Jean-Louis Tauran, presidente do Conselho Pontifical para o diálogo inter-religioso, afirmou à Rádio Vaticano que este documento é “muito interessante”.

O responsável disse ainda que “é um documento novo porque provem dos muçulmanos sunitas e dos chiitas” e “representa um sinal muito encorajador porque demonstra que a boa vontade e o diálogo são capazes de vencer os prejuízos”.

A carta enviada por diversos intelectuais muçulmanos como forma de marcar o final do período do Ramadão compara várias passagens da Bíblia e do Corão, referindo que os dois textos sagrados incidem “na primazia do amor e na devoção a Deus”.

Esta missiva, que foi assinada por religiosos muçulmanos de vários países, como a Síria, a Bósnia Herzegovina e a Rússia, foi ainda dirigida ao arcebispo da Cantuária, chefe da igreja anglicana, e ao patriarca ecuménico de Constantinopla, principal bispo da Igreja Ortodoxa.

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: Voz Portucalense

Príncipes belgas aguardam nascimento de mais um filho

Outubro 6, 2007

principes_belgica_felipe_e_matilde.jpgO príncipe Filipe, herdeiro do trono da Bélgica, e a sua mulher, a princesa Matilde, irão ter o seu quarto filho na próxima Primavera, anunciou sexta-feira o Palácio Real, em comunicado oficial.

Filipe de 47 anos, filho mais velho do rei belga Alberto II, e Matilde de 34, com quem casou em Dezembro de 1999, são já pais da princesa Isabel, nascida a 25 Outubro de 2001, e segunda na linha de sucessão ao trono, do príncipe Gabriel, que nasceu a 20 de Agosto de 2003 e do príncipe Emanuel, nascido a 4 de Outubro de 2005.

“No dia 4 de Outubro de 2007, dia do segundo aniversário de Emanuel, Isabel e Gabriel estão muito felizes por poderem anunciar que, na Primavera de 2008, darão as boas-vindas a uma irmão ou a um irmão”, refere o comunicado, onde se pode ler ainda que “o rei e a rainha e toda a família real, assim como a família da princesa Matilde, associam-se a este grande felicidade”.

 

Texto: Sérgio Mendonça

Fonte: Lusa

Foto: AFP